Home / Cultura / Desfiles das escolas de Carnaval é sucesso em Araraquara

Desfiles das escolas de Carnaval é sucesso em Araraquara

Gaviões do Selmi Dei é campeã do Carnaval Para Todos

 

A Passarela do Samba ficou lotada para o desfile das escolas de samba de Araraquara no último domingo (15). A chuva deu uma trégua e as escolas puderam apresentar suas alegorias sem grandes transtornos, alegrando o público que encheu a arquibancada do Cear (Centro de Eventos de Araraquara e Região). O prefeito Marcelo Barbieri acompanhou o evento e denominou a rua da Passarela do Samba com o nome de Estanislau da Silva – o Lau, sambista carismático da cidade que faleceu o ano passado.

 

Para Marcelo “Lau foi um exemplo de pai, amigo, companheiro e sambista”. O prefeito destacou que o Estanislau contribuiu muito para o samba de Araraquara. “O Lau ajudou a resgatar tudo de bom que o samba pode proporcionar. Me sinto muito feliz pela homenagem e também porque, mesmo com dificuldades, estamos conseguindo realizar o Carnaval com o apoio da Câmara de Araraquara e da Lesec”.

 

Os enredos apresentados no desfile pelas quatro escolas participantes foram os seguintes: “Mancha em cena: sucesso no cinema” (Mancha Araraquara), “O grande espetáculo do circo” (Gaviões do Selmi Dei), “Minha África brasileira, meu Brasil africano” (Nação Quilombola) e “O Carnaval” (Benê do Victório De Santi).

 

A apuração das escolas campeãs aconteceu na segunda-feira, no Palacete das Rosas, onde consagro a Gaviões do Selmi Dei como campeã. A Nação Quilombola ficou com a segunda colocação. Na terça

 

(17) as duas escolas retornam à Passarela do Samba, a partir das 19h30, para o Desfile das Campeãs. Ainda, a Mancha Araraquara obteve a terceira colocação, enquanto a Benê do Vitório De Santi ficou com o quarto lugar.

A apuração foi acompanhada pelo secretário da Cultura, Renato Haddad e pelo presidente da Lesec (Liga das Escolas de Samba de Araraquara), Eduardo Ramos da Silva. Para Haddad, “o Carnaval foi maravilhoso e qualquer uma das escolas poderia ser campeã”. Segundo o secretário esse foi o melhor Carnaval da história de Araraquara e o prefeito e a Secretaria da Cultura ficaram muito gratos com o empenho e dedicação das quatro escolas e suas apresentações. “Estamos satisfeitos em ver um trabalho tão bem feito! Esse desfile vai se tornar regional e muito famoso”, concluiu.

 

Campeã – A Escola de Samba Gaviões do Selmi Dei foi fundada em 1998 e tem como cores oficiais: o preto, o branco e o vermelho. A escola foi campeã nos anos de 2004, 2009, 2010, 2011 e 2012.

Presidida por Cristian Alexandre Maino, a escola este ano apresentou na avenida um espetáculo circense, com o tema “O grande espetáculo do circo”, com samba enredo de autoria de Tito Longo e Xande Cezar.

Entre as alas apresentadas, destaque para: Alegria, Malabarista, Atirador de Faca, Equilibrista, Trapezista, Bailarinas, Guloseimas do Circo, palhaço e Mágico – além das tradicionais Baianas, Mestre Sala e Porta Bandeira, Comissão de Frente, Abre-Alas e Ala Show.

O vice-presidente da escola é Adriano Quintilho (Tim Maia) e a comissão carnavalesca da escola é formada por Cristian, Juliana Franco, Aline Petroni e Larissa Weigand. Como mestre sala e porta bandeira, a escola conta com Anderson (Dando) e Larissa, o mestre de bateria é Fábio Barbosa (Cobra), a rainha da bateria é Jéssica Bonani. O samba foi interpretado por “Tim Maia”, Murilo, Junior, Neto e Buiu.

 

Vice-campeã – Fundada em 2004, a Nação Quilombola tem como presidente Iracídio Stefanini Borge, o Irá. O samba-enredo “Minha África Brasileira, meu Brasil Africano” – composto por Irá e Júlio Carioca e interpretado por Marcos Bardi, Victor Oliveira e Irá – foi levado para a Passarela do Samba. Assim, a Nação Quilombola retratou a influência africana nas raízes afro-brasileiras.

A escola apresentou sete alas, bateria, corte da bateria, 2 casais de mestre sala e porta bandeira, além de destaques nas alas. Olodum, Guerreira Africana, Navio Negreiro, Miscigenação, Bahia de Todos os Santos, Candomblé, Maculelê, Capoeira são os destaques da escola.

 

Notas – A Gaviões do Selmi Dei alcançou 99,5 pontos e assegurou a primeira colocação, enquanto que a Nação Quilombola obteve 99 pontos (com penalidade de 0,5 ponto por exceder em um minuto o tempo determinado no regulamento). Já a Mancha Araraquara foi penalizada por 0,5 ponto pelo desvio de dois de seus carros alegóricos, e somou 98 pontos; a Vitório De Santi obteve 87 pontos.

[flagallery gid=64]

Veja Também

Comércio de Araraquara abre até as 22h com muitas novidades

Nesta sexta-feira 08/12, o comércio de Araraquara passa a funcionar em horário especial com grande …

Psicologia da Uniara promove encontro de turmas e despedida dos formandos

Atividade foi realizada no dia 30 de novembro, no auditório principal da universidade No dia …

Alunos de Odontologia da Uniara promovem confraternização com seus pacientes para marcar fim dos atendimentos do ano

Evento foi realizado nesta quinta-feira, dia 30 de novembro, na unidade IV da universidade Os …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *