Home / Festas / Público comparece em peso à Festa Junina do Bela Vista

Público comparece em peso à Festa Junina do Bela Vista

Milhares de pessoas estiveram reunidas para a 27ª edição da Festa Junina do Assentamento Bela Vista do Chibarro, realizada no terreiro do antigo e famoso casarão da Fazenda no último sábado (24). A noite também foi marcada por uma homenagem ao compositor Tião do Ouro, já que em 15 de junho é celebrado o Dia Municipal do Violeiro.

“É uma festa maravilhosa, estou até abismado com a quantidade de pessoas e acredito que nunca houve uma festa desse tamanho. Agradeço de coração a todos por essa homenagem que recebi aqui hoje e que resgata tudo o que faço há muitos anos. Os melhores canais de TV que fazem música sertaneja tocam músicas minhas e sempre aparece que sou de Araraquara, e isso é um orgulho muito grande”, afirmou Tião.

Zulmira Simões dos Santos, uma das moradoras do Assentamento, entende que “o valor dessa festa é incalculável. Estamos tão distantes por morarmos num assentamento de reforma agrária, e já estamos sendo reconhecidos há 27 anos. É muito gratificante fazermos essa festa com tanta beleza e com tanto povo envolvido”, enfatizou. Opinião compartilhada pela colega de Bela Vista, Enedina Andrade. “A importância dessa festa é reunir a nossa comunidade, trazendo união para dentro do assentamento, e a cada ano vemos o público aumentando.”

A presidente da Fundart, Gabriela Palombo, destacou o valor de se realizar uma festa que já é bastante tradicional. “É importante, no ano em que comemoramos 200 anos, podermos contribuir para fazer um resgate daquilo que tem bastante referência e história na vida do povo. Além disso, podermos juntar a homenagem ao Dia do Violeiro, que é uma lei da Câmara de 2010, trazendo essa proposta de, a cada ano, poder homenagear um violeiro de Araraquara, que é uma cidade que tem uma cultura muito rica, e o violeiro é uma categoria que ajuda a manter viva a cultura caipira.”

O vereador Edio Lopes (PT) lembrou que “esse evento é um resgate da cultura brasileira, da tradição da roça. Essa festa foi criada para celebrar a plantação, a natureza. Araraquara não é só a cidade, é o campo, e o assentamento significa o campo, onde as pessoas moram, trabalham e produzem para podermos comer um alimento de qualidade. Junto com a comunidade, conseguimos colocar esse evento no Calendário Oficial do Município, e isso é muito gratificante”.

Também estiveram presentes os vereadores Zé Luiz (PPS) e Dr. Elton Negrini (PSDB), e a deputada estadual Márcia Lia (PT).