Home / Notícias / Yashuda participa de evento dos 40 anos do Fundecitrus

Yashuda participa de evento dos 40 anos do Fundecitrus

O presidente da Câmara, Jéferson Yashuda Farmacêutico (PSDB), participou nessa quinta-feira, dia 7, do evento em comemoração aos 40 anos do Fundecitrus (Fundo de Defesa da Citricultura), juntamente com o deputado estadual Roberto Massafera  (PSDB), o secretário de Estado da Agricultura, Arnaldo Jardim e o prefeito Edinho Silva. Várias autoridades do setor acompanharam a palestra do economista e ex-presidente do BNDES, José Roberto Mendonça de Barros. Sua fala de incentivo à citricultura frente à decadência da produção de laranja e suco na Flórida (EUA), nos alerta para os desafios que esse protagonismo econômico impõe ao parque citrícola paulista. O presidente do Fundecitrus, Lourival Monaco, assinou parcerias de pesquisa com o secretário Arnaldo Jardim (Agricultura), lembrou que a instituição é “uma das mais importantes do mundo em pesquisa” e ressaltou a importância de se “olhar os cenários futuros” e os próximos desafios.

“O Brasil é o maior produtor e exportador de suco de laranja do mundo. De cada dez copos de sucos bebidos no mundo, seis são de origem brasileira. E o Fundecitrus, que tem sede em Araraquara, no bairro do Melhado, é uma instituição mundialmente reconhecida por sua competência em ações de combate às doenças de citros e na realização de pesquisas com a missão de garantir a sanidade da citricultura”, disse Yashuda.

O presidente da Câmara destacou também a responsabilidade social do Fundecitrus, que mantém em Araraquara desde o final dos anos 1990, no bairro do Melhado, em parceria com o município, o Centro de Educação Complementar (CEC). São mais de 200 alunos de 6 a 14 anos atendidos anualmente, de forma gratuita, em uma área de abrangência de 30 bairros.

Ao final do evento, os presentes foram brindados com os causos e as canções do poeta, compositor e apresentador Rolando Boldrin.

​​História

 O Fundecitrus foi fundado por citricultores e indústrias de suco em 1977 e é uma associação privada, sem fins econômicos, em benefício público da citricultura.

 A instituição conseguiu, ao longo de sua história, estabelecer uma relação de cooperação entre a iniciativa privada e pública, tornando-se uma das instituições de pesquisa mais respeitadas do mundo. Seu papel é desenvolver pesquisas que gerem informações e tecnologias para o controle de doenças e pragas e repassá-las aos citricultores para que possam aplicá-las visando melhorar os cuidados sanitários de seus pomares.

 Em Araraquara, a instituição conta com equipe de 110 profissionais, possui 80 pesquisas em andamento, quatro laboratórios em uma área de 1,3 mil m² e estudos em desenvolvimento sobre 10 doenças e pragas.

Veja Também

Curso de Publicidade e Propaganda da Uniara completa vinte anos em 2018

Coordenadora destaca pontos importantes da graduação ao longo de sua trajetória Em agosto, o curso …

Ex-alunas de Odontologia da Uniara são aprovadas para fazerem residência em hospitais da USP

Gabriela Silveira de Araujo e Aline Fernanda Baradel irão atuar, respectivamente, em Ribeirão Preto e …

Investimento gastronômico na cidade proporciona benefícios sociais e traz serviço de qualidade

Afirmação foi feita pelo vereador Jéferson Yashuda Farmacêutico no lançamento do empreendimento Restaurantes, casas de …